terça-feira, 11 de outubro de 2011

Hum ano.




Alguém suicidou pulando de cima de si.
E descobriu, ao cair, que era pequeno demais pra isso.
E resolveu viver, finalmente, o presente, desembrulhando-o.






Nenhum comentário: