terça-feira, 22 de junho de 2010

für die prinzessin

Não triste
não viste
o sabor do saber.
Não veja
só seja
o bom do querer.
Se, tudo,
diz, muda,
o que é o amar.
E estuda um jeito
sem jeito
de se conquistar.
Só sinto
um defeito
no jeito
de eu ser
de estar
de sobreviver.
Casulo de mim
moro no abraço
sem laço
com choro no ombro
que faço
ao lembrar de você.

2 comentários:

Augusto Coelho disse...

Vira música fácil, hein...
Já é letra.

Bê Sant Anna disse...

bacana, nossa primeira parceria. Bora?