sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Fui?


Férias de mim. Ou férias comigo?

É tchau ou adeus?

Na terça feira parto pra Santiago de Compostela. E só volto(?) uns 40 dias depois, mais ou menos. Rito de passagem, busca pessoal, tratado religioso, não importa. Importa é que vou ficar longe perto, com vontade de mim, espero. Sinto necessidade de ir. Isso é mais do que vontade. Isso é lemniscata, pulsão, elétrons no átomim.

A cada casquinha tirada, o dodói fica mais seco, diriam. Não esquece de beber água, aconselham. Vai pela sombra, menino! Pode até ser. Ou não, como diria o outro. Se cuida, meu filho, devo ouvir na terça.

E vamo que vamo. Como diz minha amiga mais internacional, vai fundo que a lagoa é rasa!

E quem quiser viajar comigo, que tente me acompanhar, quando for possível pra mim, no cadeosdoido.blogspot.com.

Té já.

2 comentários:

Carol Martins disse...

Ai Be, passo aqui sempre, mas nao consigo "escrever bonito". Sinto meus textos pequenininhos perto dos seus. Entao so passo pra dizer oi e desejar um tempo maravilhoso nesses proximos 40 dias!
Bjus

Lu disse...

Bê: jogo de pistas; leia os traços nas paginas do mundo.
Começa: "Nonada".
Chega até: "Existe é homem humano. Travessia".
E a roda gigante da vida continua girando: vamos uns, voltamos outros.
O Guimaraes Rosa usava lemniscata no pescoço, gravata borboleta.
Que os anjos os protejam e guiem, nessa viagem pelo exterior e pelo interior.