segunda-feira, 8 de novembro de 2010

haikai da planta baixa





o arquiteto dos sonhos
mede em palavras
o acaso da vida





2 comentários:

Marsyah disse...

E esse acaso que nos intriga e que não nos deixa em paz?

(beijos, querido!)

F. disse...

Acaso que muda o rumo, ou seria o contrário?