quarta-feira, 9 de maio de 2012

Conto Contemporâneo



Ele:
Você me achou...

Ela:
Não foi tão difícil assim.

Ele:
Foi sim.
...

Esse é um fragmento de um conto de fadas contemporâneo, que utiliza uma fórmula manjada. No filme HULK, o cientista Bruce, animal por natureza, é domado pela força da bela, pelo sutil da fêmea, pelo amor, pela entrega. Depois de se render ao seu lado animal e fazer merda com força, Bruce (HULK) se vê cercado. Por si. Pelos que o odeiam. Destruiu tudo por onde passou, fez inimizades. Seu rastro de estragos foi grande. Só ela acreditava nele. Só ela era capaz de ver o que existia por trás da agressividade, da montanha de músculos, da enormidade bestial que era a carapuça de HULK (Bruce).

Ela, só ela.

Depois de estragar com Tudo, a simples visão que ele teve dela faz com que se entregue. De alguma forma, não aguentava mais. Era muito pra ele. Talvez fosse só isso que aguardava: vê-la. Reconhecê-la.
Penso no olhar de amor. Que vê e reconhece o que há por detrás do erro. Penso no olhar do amor. Que vê através do medo. Penso no olhar do amor, que vê onde há cegueira. Onde é turvo. Quando há falta de esperança...

Quem tem coragem de olhar com o olhar do amor? Quem está preparado? Quem vai escolher o olhar amoroso, apesar de toda a gente, todo o ódio, todo o erro, toda a incompreensão?

Quem é ela, que vai dizer a ele que apesar de toda bestialidade, ela se coloca nua à sua frente, disposta, entregue, transparente, vasta e profunda? Quem é essa que sabe amar? E sabe seu amor escondido atrás de todo o erro desse mundo?

Há romantismo além do conto de fadas contemporâneo?

Quando seu pai a pergunta sobre ele, ela simplesmente responde:
A falta que eu sinto dele... sabe... eu o amava...


Interessante, no conto, que é ela quem o acha. Penso que ele não tinha mesmo condição de achar a si próprio. Apesar de não conseguir achar a si mesmo, ele reconhece que foi graças a ela que ele foi encontrado, que através dela se achou.

Ela não sabe, porque ama. Mas foi difícil sim. É muito difícil pra quem se encontra totalmente perdido.

Fica, pra mim, uma única pergunta. O nome dele é HULK. Qual será, afinal, o nome dela?




Nenhum comentário: